20.8.16

 

 

A-16th-Century-letter-a-q85-468x500.jpg

 

 

 

acrimónia
a.cri.mó.ni.a
nome feminino
(do latim acrimonia, «acidez», «amargor»)

 

 

A acrimónia distingue-se do amargor, que é a experiência pessoal do que é amarescente, do que tem um certo travo adstringente. Do seu prolongamento na alma resulta, por exemplo, o gosto deixado pelo desgosto (o qual sendo uma experiência pessoal é muitas vezes também intransmissível), que aplicado a gente se diz amargura. A acrimónia, ao invés, embora decorrendo também do que é acre, azedo, usa-se para designar a atitude relacional marcada por maus humores, ressentimentos, ou ressabiamentos (ver ressabiamento), e se traduz em azedume, em aspereza, em má vontade, em irritação permanente.

 

 

 

 

link do postPor VF, às 09:00  comentar

pesquisar neste blog
 
mais sobre mim
Translator
sitemeter
contador sapo